Governo alerta peregrinos em Meca contra coronavírus



We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Governo saudita alerta peregrinos em Meca contra coronavírus

Milhões de muçulmanos vão para Meca na Arábia Saudita todos os anos. O Ministério da Saúde da Arábia Saudita está alertando sobre o perigoso vírus da coroa este ano e está pedindo que idosos, mulheres grávidas, crianças e pessoas com doenças crônicas adiem o hajj para outro ano.

Especialmente na região árabe De acordo com as últimas informações da Organização Mundial da Saúde (OMS), 45 pessoas morreram do novo vírus da corona, conhecido desde o verão de 2012. Um total de 81 casos de doenças foram registrados em todo o mundo, a maioria deles na Arábia Saudita, onde a primeira morte ocorreu em junho de 2012. Outras infecções foram relatadas na Jordânia, Catar e Emirados Árabes Unidos e a infecção também se espalhou para outros países através de pacientes desta região. Segundo o Instituto Robert Koch, houve dois casos na Alemanha até agora, um dos quais foi fatal. O vírus corona também foi detectado em outros países europeus, como a França.

Perigo para o mundo inteiro O MERS-CoV (Síndrome Respiratório do Oriente Médio), que está relacionado ao vírus da SARS, desencadeia sintomas semelhantes aos da gripe e pode levar à insuficiência renal e pneumonia grave. O vírus é avaliado pela OMS como um "perigo para o mundo inteiro". Até agora, nem a fonte original da infecção foi esclarecida, nem como é transmitida. Contudo, pode-se concluir pelos casos anteriores de infecção que o novo vírus corona também pode ser transmitido de pessoa para pessoa.

Outras vacinações recomendadas A peregrinação islâmica a Meca, o Hajj, juntamente com o jejum no Ramadã, é um dos chamados cinco pilares do Islã e leva milhões à Arábia Saudita todos os anos. Aconselha-se que os peregrinos em Meca sejam vacinados contra meningite e provem isso na entrada. Além disso, são recomendadas vacinas contra gripe e poliomielite. Durante a peregrinação de outubro, os fiéis devem lavar as mãos regularmente com sabão e usar um lenço ao tossir e espirrar. Se houver uma multidão, recomenda-se um protetor bucal. (de Anúncios)

Imagem: Cornelia Menichelli / pixelio.de

Informações sobre o autor e a fonte



Vídeo: Peregrinos de duas rodas recebidos com heróis em Meca


Artigo Anterior

Muitas mulheres também roncam

Próximo Artigo

Greve de alerta na clínica HELIOS